Precursores do Espiritismo

Loading...

Teatro

 · Artes Cênicas
Englobam a dramatização espontânea, o  jogo dramático e o teatro.
ü Dramatização espontânea - É a dramatização de fatos imaginários ou da vida real, de cenas ou da totalidade de uma história narrada. O educador fica na posição de observador ou encena junto com os educandos, assumindo um dos papéis. Coloca à disposição dos educandos, principalmente para as crianças menores, roupas usadas (lavadas), bolsas, bonecas, maquiagem, espelhos etc., para que utilizem livremente esses materiais. A dramatização é um recurso com base na espontaneidade.
ü Jogos dramáticos - É, na prática, uma modalidade da  dramatização espontânea, pois é também uma improvisação  realizada a partir de temas ou situações. Permite grande número de participantes e o instrumento de trabalho é o corpo e suas emoções. Lançamos o tema e o grupo faz suas combinações durante o tempo determinado, para depois fazer a apresentação.
É preferível que, no  início, os temas sejam feitos apenas com a expressão corporal, sem diálogo. É importante que o educando compreenda bem a situação a ser dramatizada para que assuma as características físicas e psicológicas do personagem.  É também importante que cada um manifeste espontaneidade, porém mantenha o controle de suas emoções, consciente de que realiza apenas uma representação, e não um psicodrama, que deve ser usado só por especilaistas.
A vida de uma árvoreTodos participam, após um preparação em que se relembra as fases do desenvolvimento de uma árvore, desde a semente colocada na terra escura e fria até o seu pleno crescimento, oferecendo sombra e frutos.
1ª etapa:
sementes na terra (bem encolhidos no chão).
2ª etapa:
sol enviando seus raios para as sementes (uma  criança com máscara de sol).
3ª etapa:
germinação das sementes (levantam-se vagarosamente).
4ª etapa:
começam a brotar os galhos (movimento dos braços).
5ª etapa:
árvore adulta (de pé, braços estendidos).

O bebê que dorme
Um bebê está dormindo. Vai ser apresentado a cada criança, que deverá segurá-lo, acariciá-lo, expressar sua ternura e passar ao outro, com cuidado para que o bebê não acorde. Usar uma boneca envolta num pano.
Estas formas de dramatização desenvolvem atitudes de cooperação, auto-estima, e as capacidades de observação, expressividade  e criatividade.
ü Teatro - É a representação de uma história ou situação descrita num texto. É ensaiada, tanto a fala quanto a encenação. Geralmente utiliza cenários e fantasias para caracterização dos personagens, mas não são indispensáveis Estimula também a expressividade, a cooperação e a auto-estima. A apresentação teatral pode utilizar recursos diversos. Temos, assim, o teatro de fantoches, de sombras, de varas, de marionetes.