Precursores do Espiritismo

Loading...

sexta-feira, 2 de dezembro de 2011

Tema Básico : Imortalidade e Reencarnação - 2

OBJETIVO:
Reconhecer que a individualidade sobrevive à morte.

1. ATIVIDADE DINÂMICA
Propor um jogo de equilíbrio. As crianças tentarão equilibrar nas mãos, nos pés ou em outra parte do corpo, garrafinhas plásticas com um pouco de areia (ou pequenas bolas, bastões pequenos de madeira etc.).
2. HARMONIZAÇÃO INICIAL
3. ATIVIDADE INTRODUTÓRIA
Relembrar a atividade do item 4.4 do CEA-I-3-21.
4- ATIVIDADE REFLEXIVA
4.1 Perguntar às crianças se já tiveram algum parente que morreu. Pedir que usem as figuras da atividade anterior para representar o que aconteceu com o corpo e o espírito quando esse parente morreu. Falar no assunto de forma natural e habilidosa, dada a sutileza da questão.
4.2- Narrar a história: junita
4.3- Avaliar a compreensão através das perguntas:
a- Qual a notícia que Mariazinha recebeu pelo telefone?b- O que a professora falou ao ver Mariazinha triste?c- Você acha que Junita ouviu a prece de Mariazinha? Por quê?
4.4- Esclarecer que os lugares onde moram os que já morreram também têm casas, escolas, jardins. Quanto mais bondoso o Espírito, mais bonito o lugar onde mora.
5. ATIVIDADE CRIATIVA
5.1- Ensinar a fazer dobraduras (modelos no final) usando papel de revista.
5.2- Pedir que as crianças montem um mural com as dobraduras, recorte e colagem, fazendo jardins e pessoas do local onde Junita foi morar.
6. Harmonização Final/ Prece
6.1- O mesmo exercício apresentado no C.E.A. I- 2- 42, podendo substituir a lâmpada por uma vela, na qual a criança fixará sua atenção. Depois, durante o relaxamento, pedir que vejam essa luz dentro do coração... é a luz do amor que você sente... que você tem no seu coração... mande um raiozinho dessa luz de amor para alguém que você goste.
Obs.: Conforme a idade e a experiência das crianças, pode-se sugerir que ela mande o raiozinho de amor para alguém que já desencarnou.
6.2- Meditar:
Mando um raio do meu amor para...
7. AUTO-AVALIAÇÃO

Nenhum comentário:

Postar um comentário