Precursores do Espiritismo

Loading...

domingo, 12 de janeiro de 2014

Tema Básico: Imortalidade

OBJETIVOS:
- Reconhecer que a individualidade sobrevive à morte.
- Identificar a vivência do amor na Terra como condição para a felicidade espiritual.
1. ATIVIDADE DINÂMICA

CONCENTRAÇÃO

Dizer às crianças que vão fazer uma brincadeira que exige concentração. Uma pessoa fica de pé no centro da roda. Em seguida, dirige-se a um colega, toca numa parte do seu próprio corpo e diz: “Isto é minha perna” (ou pé, dedo, cabeça, etc.). Ao mesmo tempo, aponta para uma parte diferente da mencionada, por exemplo, um dos olhos. A pessoa que está a sua frente deve, então, apontar, em seu próprio corpo a parte mencionada(no caso, a perna) e dizer, rapidamente, por exemplo:” Este é meu olho”. A criança que errar sai da roda. A brincadeira continua enquanto houver interesse ou restarem poucas crianças, que serão as vencedoras.
2. HARMONIZAÇÃO INICIAL
3. ATIVIDADE INTRODUTÓRIA
Apresentar o anexo 1 (ou outra gravura que mostre o Sistema Solar e dê uma idéia da grandeza do Universo). Verificar o que o grupo sabe sobre o movimento da Terra e dos outros planetas em torno do Sol.
4- ATIVIDADE REFLEXIVA
4.1- Levar o grupo a observar novamente a gravura, para que constate que a Terra é um pequeno ponto no Universo. Questionar:
A Terra, onde vivemos, é um pequeno mundo entre bilhões de outros no Universo. Vocês acham possível só a Terra ser habitada?Jesus nos ensinou: “ A casa de meu Pai tem muitas moradas”
– Qual é a casa do Pai? E onde são essas moradas?
– Será que quem morre vai viver em algum lugar desse Universo?
4.2- Ouvir as respostas. Propor ao grupo ouvir a gravação de um relato a respeito de um menino que morreu. Dizer que os fatos foram contados por ele próprio, utilizando um homem como intermediário(médium). Esta narrativa será feita durante duas reuniões
4.3- Apresentar: FRONTEIRAS DA VIDA, Gravar antecipadamente em fita de áudio, usando a técnica radiofônica do conto dramatizado:
- As frases da narrativa que estão em negrito devem ser dramatizadas.
- A narrativa e os diálogos devem ser acompanhados, em alguns momentos, de cortina musical e efeitos sonoros.
Obs.:- As gravuras poderão ser apresentadas em silêncio, através do “cineminha”, ou colocadas no mural, durante a respectiva cena.

4.4- Ao final, estimular o grupo a falar a respeito do que ouviu e esclarecer receios e dúvidas. Expor com naturalidade, evitando idéias e emoções relacionadas ao imaginário, fantástico ou sobrenatural.
Conceitos que devem ser esclarecidos, a partir da narrativa:
- A morte é apenas o fim da vida física. O Espírito continua a viver sem o corpo.
- Na ocasião da morte do corpo, somos ajudados, de acordo com nosso merecimento por amigos e parentes já desencarnados que nos transmitem paz e confiança.
- O desencarnado sente-se aflito quando alguém se lembra dele com desespero e se sente aliviado quando alguém ora por ele.
- Depois da morte não há um céu como prêmio, nem um inferno como castigo, mas sim a continuação da vida, com o resultado dos atos praticados.
- Os laços de amor continuam depois da morte e, por isso, os familiares que se amam e têm afinidade podem permanecer reunidos.
- Os Espíritos bondosos sempre têm um aspecto saudável.
- Embora não tenha corpo físico, o desencarnado às vezes pode sentir dores ou cansaço, que são apenas impressões deixadas pelo que sofreram durante a vida, isto é, são aflições causadas pelo pensamento.
- Em situações especiais, o Espírito pode comunicar-se com o nosso mundo através de pessoas que têm mediunidade. Esta comunicação pode ser pela escrita ou por outros meios.
5. ATIVIDADE CRIATIVA
5.1- Propor que, através da dança, o grupo demonstre os movimentos dos planetas (rotação, em torno do eixo imaginário e translação, em torno do Sol). Possibilitar que todos  participem, representando outros sistemas solares, todos movimentando-se concomitantemente. Colocar música do tipo “Poema”, de Fibrich.
Ordem dos planetas: Mercúrio, Vênus, Terra, Marte, Júpiter, Saturno, Urano, Netuno e Plutão.
5.2- O grupo realiza a dança com movimentos lentos e contínuos, enquanto houver interesse ou durante o tempo previsto.
6. HARMONIZAÇÃO FINAL / PRECE
6.1- Fazer da forma habitual, pedindo que visualizem a beleza do Universo.
6.2- Meditar:
Sinto o amor de Deus em toda parte.
7. AUTO-AVALIAÇÃO


Nenhum comentário:

Postar um comentário